Ir para o conteúdo

Prefeitura de Votuporanga e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Prefeitura de Votuporanga
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Flickr
Rede Social Instagram
Rede Social Tik Tok
Rede Social Twitter
Rede Social WhatsApp
Rede Social Youtube
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
OUT
10
10 OUT 2023
FUNDO SOCIAL
420 visualizações
Proteção e cuidado: Prefeitura de Votuporanga apresenta Plano Municipal para a Infância e Adolescência
enviar para um amigo
receba notícias
Proteção e cuidado: Prefeitura de Votuporanga apresenta Plano Municipal para a Infância e Adolescência
Documento norteará ações que devem ser desenvolvidas até 2029; apresentação foi realizada pela Comissão de Acompanhamento e Avaliação do Programa Prefeito Amigo da Criança Abrinq nesta segunda-feira, agora seguirá para avaliação do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e Câmara de Vereadores
 
Na manhã desta segunda-feira (9/10), a Comissão de Acompanhamento e Avaliação de 2022 a 2026 do Programa Prefeito Amigo da Criança Abrinq, coordenada pela presidente do Fundo Social de Solidariedade, Rose Seba, apresentou o Plano Municipal para Infância e Adolescência 2019/2029. O documento tem como objetivo estimular a implementação de políticas públicas que assegurem os direitos das crianças e dos adolescentes.
 
Durante o bate-papo que contou com a presença do prefeito Jorge Seba, de secretários municipais, representantes da Diretoria Regional de Ensino e de membros da Comissão, o secretário municipal da Educação, Marcelo Batista, explicou o diagnóstico apresentado por meio de dados levantados até o momento e quais são os desafios a serem superados para garantir o desenvolvimento saudável dessa importante fase da vida.
 
“O Plano prevê ações importantes que deverão ser executadas, a partir de objetivos, resultados, metas e estratégias. Durante a produção do documento, percebemos que o município já conta com diversas ações em andamento, como a ampliação na oferta de vagas, por meio das obras de ampliação e construção de novas escolas, além  da criação de um espaço para cuidar da saúde das nossas crianças com espectro autista, por exemplo”, destacou Marcelo.
 
O desenvolvimento do documento é estimulado pela Fundação Abrinq para ampliar e qualificar o debate a respeito dos ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável) no Brasil, além de mobilizar, discutir e propor meios de implementação efetivos para essa agenda. Para isso, o programa ajuda na avaliação da realidade de cada cidade e na identificação de prioridades de ação.
 
“É preciso cuidar das nossas crianças e dos nossos adolescentes. E quando falamos isso, estamos afirmando o nosso compromisso para uma educação de qualidade, uma saúde acessível para todos, atendimento social que promova o desenvolvimento dos mais vulneráveis e ações econômicas que criem oportunidades de trabalho e renda, por exemplo. Ou seja, é o envolvimento de toda a cidade. Fiquei muito feliz com o resultado desse estudo que gerou o documento e acompanharei de perto cada etapa a ser implementada”, comemorou o prefeito Jorge Seba.
 
O Plano é multisetorial, ou seja, possui o envolvimento de todas as Secretarias Municipais. Cada área de atuação precisa olhar para dentro de sua realidade e encontrar espaços para desenvolver/aprimorar atividades que garantam que crianças e adolescentes tenham uma cidade preparada para gerar oportunidades, além da garantia segurança, proteção e bem-estar.
 
O documento, agora, segue para avaliação do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) e, na sequência, para a Câmara Municipal de Vereadores. Por fim, o mesmo será encaminhado à Fundação Abrinq.
 
“É Votuporanga preocupada com todos. Onde há atividades já promovidas, devemos aprimorar e onde há oportunidades de avançarmos, não podemos ficar parados”, finalizou Seba.
 
Programa Prefeito Amigo da Criança
 
O Plano Municipal para Infância e Adolescência integra o Programa Prefeito Amigo da Criança, que iniciou em 1996, e fortalece a ação dos gestores municipais, oferecendo suporte técnico para implementarem ações e políticas públicas que resultem em avanços na garantia dos direitos das crianças e dos adolescentes, e consequentemente mecanismos recomendados pela Convenção Internacional sobre os Direitos da Criança e pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).
 
Os princípios do programa, podem ser utilizados a qualquer tempo, em qualquer município brasileiro e dependem, fundamentalmente, da vontade política dos gestores e da capacidade dos municípios em constituir redes de enfrentamento que priorizem a infância e adolescência.
 
No município, os governos devem priorizar políticas sociais que busquem a promoção da vida saudável, acesso à educação de qualidade, proteção em situação de risco, fortalecimento de Conselhos, além de metodologias para implementação e avaliação do Orçamento da Criança e Adolescente (OCA).
 
Ao mesmo tempo que contribui na avaliação da realidade local, o Programa promove o diálogo entre os municípios e avalia, ao fim de cada gestão, os resultados atingidos, reconhecendo e premiando os esforços dos prefeitos no cumprimento de seus objetivos. A iniciativa é um meio de fortalecer, priorizar e qualificar as políticas públicas em prol das crianças e dos adolescentes, priorizar e qualificar as ações do município em benefício das crianças, além de promover a garantia dos direitos da criança e do adolescente no município.
 
 
Seta
Versão do Sistema: 3.4.0 - 05/02/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia